O que acontece na comunidade judaica de Santa Catarina passa por aqui. Ações, projetos, celebrações, cultura, espiritualidade e muito mais!

sábado, 17 de junho de 2017

“Nós podemos fazê-lo!” ( Shelach, 13:30)


A parasha deste shabat aprofunda um tema que foi abordado na parasha anterior: e se as coisas não saem exatamente como o planejado? E se nos sentimos impotentes para enfrentar uma realidade que se transforma, um futuro que não conseguimos saber exatamente como será?
Imagine a seguinte cena: você está realizando um projeto, ou buscando um emprego, ou fazendo algo em que se empenha ao máximo, ou iniciando uma nova relação. Quer que tudo corra bem e, para isso, busca certificar-se de todas as circunstâncias. Busca ajuda, consulta o Google...
E então... Obtêm uma série de informações contraditórias: alguns dizem que tudo vai dar certo, outros recomendam que você desista.
Reconhece uma situação assim? E agora? O que fazer? É sobre isto que a parasha desta semana nos fala:
Moisés manda 12 líderes, homens sábios, para verificarem o território prometido que está a sua frente. Não são pessoas quaisquer: são pessoas com conhecimento, experiência, líderes.
Espera-se que eles consigam ver de maneira isenta e ponderada o que vem pela frente, e que possam orientar Moisés sobre as melhores estratégias para conquistar a terra prometida.  Dois voltam com a mensagem: “Nós podemos fazê-lo!”. E dez dizem: “Nós não podemos avançar...” (Shelach, 13:31).
O que leva às duas informações contraditórias? A realidade, com certeza, é a mesma. A resposta, portanto, não encontra-se no EXTERIOR, mas no INTERIOR.
Ao dizer: “Nós podemos fazê-lo”, Caleb e Josué reafirmam a autoconfiança, a certeza de que, mesmo frente a uma situação desconhecida e mutável,  é possível seguir em frente. Os outros dez líderes, no entanto,  vacilam, têm medo. O que temem? O que os amedronta? Temem a mudança. O desconhecido. Vacilam quando precisam assumir a responsabilidade pelos seus atos e a consequência de escolhas: sabem que irão enfrentar uma situação bem diferente daquela que o povo encontrava no Egito onde, por pior que fosse o cenário, habitavam um mundo conhecido, sem ter que tomar decisões. Sabiam disto – e deslocam, para o mundo externo, um medo que é apenas interno: “Eles são muito fortes para nós!” (Shelach, 13:31).  A força só pode ser medida em relação à fraqueza.
E você? Que situação você precisava enfrentar? Que sonho precisa conquistar? Qual o medo que o impede de ir em frente?
Qual das oportunidades que se abrem para você e você recua? Confira a seguir! Lembre-se: a batalha perdida é aquela que não se enfrenta. Siga em frente!

PALESTRAS
Ser ou não ser judeu: a identidade judaica no Século XXI. A palestra será proferida em Balneário Camboriu, no dia 20 de junho, 3a. feira, às 20:00. Na palestra, serão debatidas diferentes abordagens que conceituam o judaísmo, tanto do ponto-de-vista histórico quanto religioso e civil. A palestra será proferida por Ethel Scliar Cabral.  Confira o currículo da palestrante aqui.
O quê: Palestra sobre identidade judaica.
Quando: Dia 20 de junho, 20:00
Onde: Salão de Festas do Ed. Florença, R. 1500, n. 381, Bal. Camboriu.

A maior minoria muçulmana no mundo: Árabes em Israel. Dilemas, conflitos e relações com o Estado judaico. A palestra será proferida pelo israelense Asi Garbarz, 30, formado em Estudos do Oriente Médio e a História do povo judeu pela Universidade de Haifa. Asi pesquisa o cenário dos árabes em Israel vem proferindo palestras em diversas universidades e escolas em diferentes países em inglês, espanhol e português. Asi vem a Santa Catarina com o apoio do Hashomer Hatzair Brasil (no qual é sheliah) e da Agência Judaica. Dia 22 de junho, às 20:00, na AIC.
O quê: Palestra sobre os muçulmanos em Israel.
Quando: Dia 22 de junho, 20:00
Onde: AIC

OPORTUNIDADES
Network: Deseja alavancar seus projetos? Busca um novo emprego? Quer dinamizar os negócios de sua empresa? Então participe do Shabat Network, uma oportunidade para ampliar seus contatos e ouvir recomendações de estrategistas, mercadólogos e coachings. Também terá a oportunidade de ter um plano de negócios e material de propaganda desenvolvido por profissionais do mercado.
O quê: Shabat NetWork.
Quando: Dia 23 de junho, 19:30
Onde: AIC. Inscrições para apresentação: secretaria@aic-sc.com.br

Concurso de Fotografia: Lente Judaica. Este concurso é promovido pelo Departamento de Atividades para Diáspora, da  Organização Sionista Mundial, organizado pelo Beit Hatfusot. O tema é: Qual minha ligação com o judaísmo?
Podem participar jovens entre 15 e 18 anos, que participem de organizações de educação não formal. Junto com a foto, o jovem deve enviar um pequeno texto explicativo. As fotos vencedoras serão exibidas no museu do Bei Hatfusot, em Tel-Aviv e as instituições também serão premiadas.
Mais informações: rodrigow@wzo.org.il
E também aqui: secretaria@aic-sc.com.br

SHOW
Vinho Barato e Cinema Noir: Espetáculo imperdível, com Elian Woidello sua banda. Um trabalho inovador, em que Elian mescla diferentes referências de maneira poética e inovadora, unindo a estética do cinema noir, artes plásticas e música. O resultado? Este show em que rock, MPB e música tradicional se renovam.
O quê: Espetáculo musical: Vinho Barato e Cinema Noir.
Quando: Dia 05 de julho, 19:30
Onde: Teatro Álvaro de Carvalho (R. Marechal Guilherme, 26, Centro, Florianópolis.

MEMÓRIA
Bror Chail, o kibutz que no início da fundação do Estado de Israel agregou os brasileiros que realizaram alya, esta comseu acervo de documentos  digitalizados abertos ao público.  Inicialmente, são mais de 6 mil documentos referentes ao movimento juvenil Dror, uma parceria que você pode conferir  no link: http://dror.wp.sapir.ac.il

NOVAS CHAMADAS
Colóquio Internacional: Manuscritos Judaicos Medievais na Península Ibérica. O encontro, organizado pela Universidade de Lisboa; Universidade de Évora e pela Câmara Municipal de Almada é aberto a todos os interessados e investigar a variada documentação escrita produzida ou co-produzida pelos judeus em Espanha e Portugal durante a Idade Média.
O quê: Manuscritos Judaicos Medievais na Península Ibérica
Onde: Universidade de Lisboa
Quando: 12 de setembro de 2017

ARQUIVO MAARAVI: Revista Digital de Estudos Judaicos da UFMG. Acaba de sair a última edição do periódico, que apresenta um dossiê sobe as formas de textualidade judaicas contemporâneas. Além de estudos, pesquisas e artigos, a Revista traz também contos, poesias, humor e resenhas. As chamdas já estão abertas para as próximas edições.
Aqui, você verifica as chamadas para as próximas edições.

Confira outras chamadas, bolsas de estudos e oportunidades aqui.

AÇÃO
2º SEMINÁRIO TIKUN OLAM PARA JOVENS: A WUPJ-LA realiza mais um Seminário Tikun Olam entre os dias 27 e 30 de julho, em Regência, no Espírito Santo, Brasil, onde fica a foz do Rio Doce, contaminado após o vazamento de lama de uma barragem em Mariana, Minas Gerais, em novembro de 2015. Jovens da comunidade judaica de 20 a 30 anos serão responsáveis pela construção de uma nova quadra de futebol e uma biblioteca em um trabalho conjunto com o Instituto Unidos pela Vida, de Regência.
Mais informações: Clique aqui.

Save the date! Devido a grande procura, teremos mais uma aula inaugural do Curso de introdução ao Judaísmo, no dia 1o. de julho. Também estamos fechando as turmas do curso de hebraico, com aulas às 2a. e 4a., ou 3a. e 5as.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Olá! Gostamos muito de sua visita. Obrigado pela sua mensagem!