O que acontece na comunidade judaica de Santa Catarina passa por aqui. Ações, projetos, celebrações, cultura, espiritualidade e muito mais!

sexta-feira, 25 de janeiro de 2013

Muitos frutos


Com seu esforço, a AIC está crescendo como uma frondosa árvore. Neste Shabat, temo os retorno da Torá, e uma verdadeira maratona: o Rabino Mendi, de Curitiba, chega para celebrar este Shabat especial, com ceia kasher e muitas reflexões. Celebramos, também, Tu Bishvat, o Ano Novo das Arvores. O Dr Armênio Lima faz uma palestra no sábado, sobre “Vivendo o Vegetarianismo”.  Também teremos distribuição de mudas medicinais e muita alegria. Sabemos que a AIC só sobrevive e frutifica porque está enraizada no seu esforço, na sua colaboração, que se dá de muitas formas – das contribuições mensais, às sugestões de palestras; das doações ao trabalho voluntário. A Parashá desta semana carrega consigo esta importante mensagem, pois como árvores, precisamos nos nutrir – corpo, mente, espírito – para que todo nossa potencialidade desperte. Lembre-se: precisamos de você para nutrir a AIC.
Shabat Shalom!

sexta-feira, 18 de janeiro de 2013

O livre-arbítrio

Talvez uma das questões que provoquem mais reflexão nos dias de hoje seja as que envolvem o livre arbítrio e a liberdade individual x o interesse coletivo. Até onde posso ir? Alguns alunos, por exemplo, saem da sala de aula a todo momento: -É a minha liberdade de ir e vir!, alegam eles. Liberdade de ir e vir? Como assim? Esta liberdade, sem dúvida alguma, está restrita pelo viver em grupo, pelo viver com o outro – ninguém pode sair andando de carro na contra-mão, furando os faróis vermelhos, atropelando a todos e alegar “liberdade de ir e vir”. No judaísmo, um princípio fundamental é o viver em comunidade, o construir, juntos, as bases sólidas que propiciam a cada um o desenvolvimento de todos os seus potenciais. A parasha desta semana, sem dúvida alguma, promove tal reflexão. O povo judeu quer partir. O faraó não deixa. Como resolver este conflito? Até onde a solução depende da vontade divina – aquilo que não podemos controlar – ou as escolhas pessoais (o livre-arbítrio).
Se não tivéssemos a possibilidade de interferir, então ficaríamos parados, sem nada fazer. Mas não é assim que ocorre: podemos interferir, podemos agir. Podemos fazer a nossa parte: pequenas ações movem o mundo. Faça a sua! E lembre-se: no próximo final de semana, teremos o Retorno da Torá e Tu Bishvat, com muitas atividades na AIC.

Shabat Shalom

sexta-feira, 11 de janeiro de 2013

Perseverar sempre


Que dá vontade de desistir, muitas vezes, ah, isso temos que admitir: dá mesmo. Às vezes as coisas não saem conforme o planejado, do jeito que a gente quer. Fazer o quê? É a vida. A mensagem da parasha desta semana reforça a da semana anterior: é preciso manter o entusiasmo e não perder de vista o caminho justo. Foi assim que Moshê liderou o povo rumo a liberdade, com entusiasmo, perseverança e mantendo-se fiel ao caminho justo.  E você?  Está firme, rumo ao seus objetivos? Passe na AIC para recarregar as baterias e renovar suas energias. Aproveite, e veja o vídeo abaixo, que atualiza o relato da fuga dos judeus do Exito!
Shabat Shalom

Courtesy of Aish.com

sexta-feira, 4 de janeiro de 2013

Mais entusiasmo


O ano se inicia, cheio de promessas, cheio de vitalidade. Promessas de romper com velhos hábitos, de romper com as rotinas, dar aquela virada na vida. Na AIC, também, estamos cheios de vitalidade e energia – mas, como bem o coloca a parasha desta semana, este processo de renovação, de libertação é difícil.  Como acreditar que tudo pode ser diferente? Como manter a esperança em tempos difíceis? A quem devemos ouvir.? Comece ouvindo sua voz mais interior. No fundo está a semente da sua esperança. Para isso, é necessário dar o primeiro passo – e isso só depende de você. Shabat Shalom!
PS: Programe-se: vem aí... Retorno da Torá, Purim, Inauguração oficial da AIC e muito mais. Também vamos iniciar o recadastramento dos associados. Participe!